Pais “irresponsáveis” podem ser punidos por obesidade dos filhos

Tema que não deveria estar gerando tanta polêmica como a reportagem nos informa. Quando a população de Porto Rico está reclamando das medidas tomadas pelo governo com respeito a obesidade das crianças, ao meu ver a responsabilidade direta pela saúde delas, são dos pais. Nada mais justo que ele se eles não estão preocupados, com a saúde deles, com a obesidade excessiva deles, o governo force-os a se preocuparem. Adultos obesos têm problemas constantes, geram normalmente grandes despesas ao estado, já com a criança, essa consideração sobre sua saúde em particular, deveria ser especificamente dos pais, antigamente os pais tinham extremo cuidado com a saúde de seus filhos, com a alimentação de seus filhos e nunca deixavam se levar por anúncios miraculosos de novos produtos no mercado como se faz hoje em dia.

#Disse
Carlos Leonardo

Fonte: O Diário de Pernambuco

 

#CONVITEAPROSA
Você vigia os seus para não se tornarem obesos?


A obesidade é uma das maiores dificuldades enfrentadas pela nova geração. Para solucioná-la, um senador de Porto Rico apresentou um projeto de lei um tanto quanto polêmico: multar os pais que não conseguirem fazer seus filhos perderem peso. A iniciativa tem sido amplamente criticada no país, que possui a maior taxa de obesidade entre crianças menores de quatro anos de idade de todos os estados e territórios americanos: 17.9%.

O plano do senador Gilberto Rodrigrez Valle estabelece que o Departamento de Educação seja o responsável por identificar os casos de maior risco e orientar os pais. Assim, os professores avaliariam estudantes que consideram obesos, encaminhando-os a um orientador psicológico ou assistente social. Em seguida, funcionários das secretarias de saúde visitariam os pais para determinar se a obesidade da criança tem origem em um problema de saúde ou no hábito de comer demasiado.

Caso o problema venha de um hábito, os pais teriam que estabelecer um programa de dieta e exercícios para a criança, que passaria a ser acompanhada durante um período de mais de seis meses. Não havendo melhora, uma multa de U$ 500 seria aplicada. Passando da marca de um ano sem perda de peso, o valor aumentaria para U$ 800.

Obesidade no mundo

Mais de 600 milhões de pessoas, ou 13% da população adulta do mundo, são obesas. A taxa mais que dobrou entre 1980 e 2014, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). O custo estimado disso para a economia global é de US$ 2 trilhões (R$ 5,6 trilhões).


Publicado originalmente no blog “Divagando a Notícia” em 20/02/2015.

Um comentário em “Pais “irresponsáveis” podem ser punidos por obesidade dos filhos

  • 14/03/2016 em 17:23
    Permalink

    Ao besidade no brasil esta muito acima do normal principalmente as criancas eu acho na minha opiniao isso era um dever dos pais se preocupar com a saude dos seus filhos ate pq a obesidade nao e sauda vel

    Resposta

Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: