Número de idosos que moram sozinhos cresce cada vez mais

idososAté alguns anos atrás, era muito comum que as famílias se preocupassem com seus idosos. Depois houve uma próxima geração que assumiu a ideia de ancorar seus velhinhos em asilos e casas de repouso para idosos. Essa decisão levou a desentendimentos familiares, a uma constante sensação de mal estar e de abandono dos seus.

idosos1Hoje, essa geração está se colocando no lugar de seus antepassados e já dispõe de conhecimentos suficientes para não fazer os seus decidirem por suas vidas, nem em uma situação ou em outra. Ela já tem conhecimento dos problemas e das dores que ambas as situações impingem para seus familiares diretos.

#Disse
Carlos Leonardo

 

Fonte: Folha de São Paulo

 

#CONVITE
Você acredita também que esta é uma boa estratégia dos idosos?

 

Dê sua opinião


DE SÃO PAULO – 07/09/2014

Dona Alzira, 77, viúva, mora sozinha há 15 anos em seu apartamento na Vila Zelina, zona leste de São Paulo, e não quer outra vida. Não dá satisfação a ninguém, viaja com as amigas, participa de uma roda de tricô e passa o domingo com filho, nora e netos. Idosos como Alzira Gestinari são cada vez mais comuns em São Paulo. Em cerca de um terço das residências de apenas um morador vivem maiores de 65 anos. E o número de idosos morando sozinhos cresce a uma taxa muito forte. Foi um aumento de 60% na década de 2000 . Hoje eles já são 155 mil.

“Nos EUA, 28% das pessoas moram sós; em Manhattan, já são 50%. Em Estocolmo, na Suécia, 60%. É uma tendência irreversível”, diz o urbanista Anderson Kazuo Nakano.

Mas morar sozinho não é sinônimo de solidão, diz Mirela Camargos, autora de um estudo demográfico sobre a terceira idade na UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). “Os idosos têm mais saúde. A comunicação está mais fácil. Quem mora só não está abandonado. É uma opção.”

Dona Alzira gosta da vida assim. “Saio, vou ao bingo e viajo com minhas amigas”, conta ela, que faz turismo tanto em Caldas Novas (GO) como na França e na Espanha.

Recentemente, encarou uma ida à Disneylândia, nos EUA, com a neta de 15 anos e a amiga dela.


Publicado originalmente no blog “Divagando a Notícia” em 07/07/2014.

Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: