EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – II

CONCEITO DE HOMEM: ESPÍRITO E MATÉRIA

O homem é o único ser racional da Terra e o mais evoluído. Ele se distingue dos demais animais pelo dom da palavra e pela inteligência. O homem é formado de duas partes; Uma parte material que é o corpo; e uma parte espiritual que é a alma.
A parte material (corpo) é formada pelos mesmos elementos que compõe os outros seres vivos: oxigênio, hidrogênio, azoto e carbono.
O corpo material tem função por um determinado período de vida, após o qual morre, dando liberdade à parte espiritual.
A parte espiritual (alma) é a parte imaterial que vive no corpo. é uma parte da Força Divina. O espírito ou alma é imutável e eterno.
O homem tem deveres para com o corpo e para com o espírito.
Os deveres para com o espírito são: dignidade, modéstia, instrução, educação, repouso, etc.
Os deveres para com o corpo são: higiene, repouso, alimentação, saúde, etc.

RELAÇÕES DA PESSOA: FAMÍLIA E SOCIEDADE

PESSOA – é o ser humano considerado na sua natureza integral racional. O conceito de “pessoa” só se aplica ao ser humano.
Todo ser humano pertence a uma família. A Família é o que se chama de sociedade doméstica.

SOCIEDADE – é um conjunto de pessoas que tem os mesmos interesses e uma finalidade comum. Todos nós vivemos em sociedade.
A Família é a base da Sociedade. Sem família não há sociedade organizada. A Família em seu sentido restrito é constituída pelo casal (casamento monogâmico) e pelos filhos.
No sentido mais amplo inclui os parentes ascendentes e colaterais.
Parentes são os indivíduos que pertencem à mesma família. De modo geral dividem-se em:
a) ascendentes: pais, avós, bisavós, etc.
b) descendentes: filhos, netos, bisnetos, etc.
c) consanguíneos: irmãos, tios, sobrinhos, primos, etc.
d) afins: sogros, noras, genros, cunhados (as), padrastos, etc.

É o tipo de Família Patriarcal que no passado incluía também os criados.
Na Família como em toda e qualquer sociedade há deveres de cada membro para com seu grupo. Dentro de qualquer sociedade e na Família há autoridades. No caso do grupo familiar a autoridade compete aos pais.

Os Deveres familiares provêm das relações entre as pessoas que compõe a Família. Eles são:

1- Deveres recíprocos dos esposos entre si:
a) fidelidade conjugal;
b) vida em comum;
c) assistência mútua;
d) sustento, guarda e educação dos filhos.

2- Deveres dos pais para com os filhos:
a) sustentá-los;
b) protegê-los;
c) educá-los (formar-lhes o caráter, corrigi-los).

3- Deveres dos filhos para com os pais:
a) amor e respeito;
b) obediência;
c) gratidão e assistência.

4- Deveres entre irmãos:
a) amor fraternal;
b) auxílio mútuo.

5- Deveres para com os parentes:
a) amizade;
b) assistência moral e material.

DIREITOS E DEVERES DO HOMEM

Todo ser humano possui deveres e direitos dentro da sociedade onde viva. Os deveres e direitos dizem respeito à própria pessoa como ser humano. São eles:

A- DEVERES MORAIS:

1- Deveres para com Deus:

  1. a) Fidelidade aos preceitos da religião adotada;
  2. b) Resignação à vontade Divina;
  3. c) Gratidão aos benefícios recebidos;
  4. d) Aproveitamento dos dons concedidos;
  5. e) Homenagem contínua da inteligência, do espírito, da vontade? Orientando-os para os planos do Criador.

2- Deveres para com o próprio corpo:

  1. a) respeito ao próprio corpo;
  2. b) defesa da vida e da saúde;
  3. c) interdição ao vício e ao suicídio.

3- Deveres para com o espírito:

  1. a) Instrução;
  2. b) Educação;
  3. c) Dignidade.

O conhecimento dos DEVERES leva à formação do caráter da pessoa humana fazendo com que ela seja:

  1. a) discreta;
  2. b) responsável;
  3. c) honesta;
  4. d) trabalhadora;
  5. e) corajosa.

4- Deveres para com nossos semelhantes:

  1. a) auxílio e assistência moral e material;
  2. b) respeito a todos os direitos do ser humano (vida, honra, liberdade, trabalho, propriedade).
  3. c) respeito às autoridades, aos compromissos assumidos, cortesia no trato, guarda de segredos, etc.

B- DIREITOS DO HOMEM:

A finalidade de toda sociedade política é a conservação dos direitos naturais do homem. Esses direitos são: liberdade, propriedade, segurança, resistência à opressão, etc.

A doutrina social da Igreja elaborou uma relação dos “Direitos Fundamentais do Homem”, e a Assembleias Geral das Nações Unidas, elaborou a Declaração dos Direitos do Homem.

A Constituição brasileira que é a Lei fundamental do País em seu art. 141 diz:

A Constituição assegura aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no país a inviolabilidade dos direitos concernentes à vida, à liberdade, à segurança individual e à propriedade.”

 

 

 

martinasanchez Martina Sanchez

Sou paulista, nascida em Piraju. Formação universitária (Geografia e Pedagogia); Escritora. (Literatura infantil e Infanto-juvenil) – pesquisa em Naturismo, Esoterismo e Ciências Avançadas; e Poesias (inéditas). Em busca de novos horizontes espero partilhar conhecimentos, experiências, valores e sonhos por um mundo de Paz, Luz e Fraternidade. O entusiasmo pela novidade nos levou sempre a enfrentar os desafios e nos ensinou que a vida só tem valor se “cultivarmos nosso jardim” com boas realizações.

 


 

Outros Tópicos do tema

EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – I
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – III
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – IV
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – V
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – VI
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – VII
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – VIII
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – IX
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – X
EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA – XI


Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: