Mais eleitor que morador, só por aqui mesmo

elei1Essa é uma situação no mínimo inusitada que se apoia em justificativas ao menos aceitáveis. Eu mesmo já fui número para essa justificativa, por um bom tempo morei em uma cidade e votava em minha cidade natal. Não por interesses políticos na região, mas por comodidade de não ter de trabalhar junto aos pleitos.

elei2Lendo esta reportagem abaixo identificada, no site da Jovem Pan, me fez lembrar de que esse expediente de mudar seu domicílio eleitoral para outra cidade é muito comum nas cidades interioranas e de pequeno porte no estado de São Paulo. Não sei dizer, mas acredito ser muito maior ainda em outras regiões brasileiras essa estratégia política.

elei3Sobre os auspícios de benécias políticas, famílias quase inteiras transferiam seus domicílios eleitorais para determinada cidade e então terem a oportunidade de votarem no seu candidato predileto ou mais objetivamente, contratante.

elei4Também é admissível a possibilidade de pessoas terem se mudado para outras cidades e permanecido seus domicílios eleitorais na cidade natal, mas também se tem que levar em consideração que essa é uma situação temporária. Torna-se muito dispendiosa e cansativa a viagem exclusiva para votar em outra cidade e isso a faz ser temporária e não num crescendo como o próprio TSE afirma.

#Disse
Carlos Leonardo ∧∨

Artigo base da análise
Dados do TSE apontam mais eleitores que habitantes em quase 350 cidades

Fonte: Jovem Pan


============ DEIXE ABAIXO, SUA OPINIÃO SOBRE O ASSUNTO ============

 

Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: