Abstenções, brancos e nulos, a população está avisando, Senhor

derrotado1Quando será que políticos brasileiros vão descobrir que as coisas estão mudando? Em minha cidade, os debates inicialmente continham um conteúdo objetivo, mostravam os problemas da cidade e como os candidatos pretendiam solucioná-los. Criou-se até uma expectativa de que os políticos tinham aprendido a fazer política em consonância com o povo, mas foi só expectativa e nada mais.

Como as argumentações não puderam se sustentar, uma vez que os programas eram fracos e sem lastro de credibilidade, a velha e conhecida fórmula de agressão entre as partes recomeçou. Foram vistos novamente apelos de baixo calão direcionados ao opositor, revolveu-se suspeitas de condutas pessoais, tudo para mostrar que o candidato oponente não era compatível com o cargo, não era confiável.

derrotado2Nas votações do primeiro turno, a população já dava mostras de não mais aceitar esse tipo de coisa, mas os autossuficientes Senhores políticos não entenderam nada, ou não quiseram entender. Agora é oficial, a população não os aceita mais. A população está desamparada, sem ter em quem doar sua credibilidade, sua confiança na execução dos serviços necessários à sua comunidade, sua cidade.

O Brasil está carente de estadistas que coloquem o bem estar do País acima de tudo. Que não faça da política sua profissão, que não siga as escritas de que se o pai foi político, o filho também o será. Ser político é um ato altruísta e não uma profissão que passa de pai para filho, que uma família monopoliza o poder na região.

#Disse.

Carlos Leonardo ٨٧

Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: