Um populista falastrão por lá também?

eua1Poderíamos certamente nos questionar o poder de opinião que temos, sobre os acontecimentos das eleições americanas. Nós nos mostramos incompetentes e incapacitados para falar sobre eleição, vide os acontecimentos dos últimos tempos na política brasileira. Mas é quase impossível deixar de lado o fato sem que teçamos uma pitadinha de comparação às nossas experiências políticas.

eua2Então, poderíamos dizer, será que o povo americano cantado e decantado como um povo muito evoluído em todos os sentidos possa estar incorrendo num erro tão crasso como cometemos por ignorância? Seu novo Presidente, que assumirá no ano que vem, acirrou as mais recônditas ideias de muitos americanos, um pequeno desdém com relação à convivência com centro e sul-americanos e outros imigrantes. Projetou por sobre as cabeças dos americanos uma redoma protetiva em todos os sentidos, comercial, industrial e pessoal. Insistiu em banir acordos comerciais internacionais para proteger a indústria e o comércio nativo.

eua3Agora eleito, o que fará o Senhor Presidente? Manterá suas promessas e isolará os Estados Unidos do resto do mundo, voltando a olhar somente aos seus umbigos e desprezará a ordem mundial ou simplesmente, como um falastrão, engolirá suas promessas de campanha e mansamente acatará as escritas da roda do sistema de intercâmbio mundial. Esse é o elo que nos une aos Estados Unidos da América, passamos nos últimos anos, por promessa em que o povo atirou-se de cabeça, acreditando que tudo mudaria, que seríamos uma Nação de primeiro mundo, como num passe mágica, e o que aconteceu?

Eis-nos metidos em um rombo estratosféricos de desvios e roubalheiras, aos quais iremos pagar não tenhamos a menor dúvida. Será que daqui a uns futuros dez anos, os americanos estarão mergulhados em tamanha encrenca como nós, independentemente de ser um povo evoluído?

#Disse
Carlos Leonardo ˄˅

 


============ DEIXE ABAIXO, SUA OPINIÃO SOBRE O ASSUNTO ============

Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: