Mais um cartaz promocional do Brasil?

Se nos posicionarmos para qualquer um dos lados, estaremos sendo tendenciosos no julgamento. Possivelmente existam razões reais para ambos os lados, não cabe aqui questionar quem tem razão e quem não a tem.

A intenção deste comentário é de despertar um sentimento que estamos deixando de lado em nosso dia a dia, o de patriotismo. Não aquele patriotismo atarracado patrocinado pelas organizações militares e seus comandantes, mas o patriotismo escolar, que nos ensinava saber de cor o Hino Nacional Brasileiro, a nos arrepiarmos ao cantar o Hino à Bandeira e ela sendo içada.

Com essa perda de noção de brasilidade, constantemente nos expomos ao ridículo perante a comunidade analítica mundial. Não temos a menor vergonha de tornarmos públicas nossas ideias e conceitos a respeito de atos que envolvem a credibilidade da Nação.

Vejamos especificamente este caso da exoneração do Presidente da Funai. Ele pode ter razão no que esta divulgando a vento aberto contra as instruções recebidas de superiores, do desinteresse do Governo Federal a respeito do tratamento com os indígenas brasileiros, mas essas divergências deveriam ser tratadas a nível administrativo e não no calor de um microfone e câmeras que lhes davam um ar de ator principal de uma grande película.

Estamos na era dos exageros, aprendemos a gritar por qualquer coisa, inconsequentemente vomitamos nossas queixas sobre qualquer coisa ou pessoa. Não prevemos os acontecimentos futuros que virão em decorrência de nossa futilidade, por isso vivemos tendo que remendar situações, botar panos quentes em situações conflitantes, em esfriamos climas tensos e desastrosos.

Deixamos de lado a sensatez.

#Disse
Carlos Leonardo ˄˅

Artigo base da análise
Presidente exonerado da Funai afirma que sai porque é honesto e ataca Serraglio
Fonte: O Dia

Leia também os artigos correlacionados:

Para você, um “Convite à Prosa…
“Não acha que deveríamos pensar mais antes de sairmos falando aos quatro cantos?”

 

Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: