Sim, o crime compensa!

Estou escrevendo sobre este tema com um pesar imenso e uma tristeza profunda. Posso dizer com todas as letras que meu subconsciente não consegue admitir uma reversão de conceito dessa monta. Mas infelizmente, é a mais pura verdade, sim, no Brasil, o crime compensa!

Ouvi esta manhã no streaming de uma rádio online essa afirmação, há uma sensação imediata de repulsa nessa afirmativa, porém, à medida que você vai ouvindo e entendendo os argumentos, os trágicos números, você começa a acreditar na afirmativa.

Penas de trinta anos por horrendos crimes, se o réu for primário e bem comportado (bonzinho à vista dos mandantes), ela pode ser reduzida a um terço do cumprimento, isto é, toda aquela encenação no tribunal, o Senhor Juiz travestido de senhor todo poderoso e justo tem sua pena aos rigores da lei, desvirtuada por emendas irresponsáveis da própria lei.

Instituiu-se a figura odiosa do bandidodedo duro” onde suas penas de sessenta, setenta anos de prisão, tornam-se seis ou sete anos, que podem se tornarem dois ou três por bom comportamento no ambiente do presídio. Isso quando não são liberados para viverem sossegados em casa. E nós até os aplaudimos por serem os acionadores da prisão de figurões intocáveis.

Se você cometer crimes hediondos, crimes de colarinho branco que abalem as estruturas econômicas do País, se você destruir a vida e as esperanças de milhões de brasileiros, você poderá dizer com toda certeza que o crime compensa no Brasil… Você só não pode roubar galinhas, judiar de animais silvestres, dever para o governo
Ééééé… Brasil, nós estamos tristes, abandonados e de pé no chão…

#Disse
Carlos Leonardo ˄˅

Para você, um “Convite à Prosa…
“As leis não deveriam serem inflexíveis?”

 

Vamos comentar isso?

%d blogueiros gostam disto: